Casal Do RatoRattery - Breedind for temperament

CASAL DO RATO

 

              Casal Do Rato é o nome do bairro onde moro, no concelho de Odivelas. Não podia encontrar nome mais apropriado para a minha rattery! Uma rattery, ou stud, é o nome dado no Reino Unido às criações (breeders) de rattus norvegicus, as ratazanas domésticas.

              As ratazanas têm aos ombros séculos de má-reputação. Foram elas que trouxeram da Ásia a peste que dizimou um terço da população europeia, na Idade Média. Estão associadas ao lixo, aos esgotos e aos locais mais repugnantes das nossas cidades. Antes de continuar, tenho que tirar uma questão a limpo: é um mito a existência de ratazanas de 2kg nas caves do Convento de Mafra. Um macho adulto e obeso pode pesar até 0,800kg! Estes animais foram domesticados no início do século XIX e mantidos em cativeiro em laboratórios desde então. Na época vitoriana, em Inglaterra, começaram a ser mais que cobaias para os cientistas… Tornaram-se animais de companhia. Hoje, em países como o Reino Unido, E.U.A., Países Baixos, Bélgica, Canadá e Austrália, são animais de eleição, presentes em inúmeros lares.

              Dotadas de uma inteligência ímpar entre os roedores, são capazes de reconhecer os donos, responder pelo nome e aprender tarefas complexas como provas de agilidade. Posso dizer que são mais inteligentes que alguns gatos! Foi isto que me fez apaixonar por estes animais extraordinários. Quando comecei a minha criação, notei que em Portugal não havia uma rattery. A maior parte das ratazanas ainda eram vendidas para alimento de répteis, por isso, não eram acompanhadas de modo a que se tornassem animais de companhia. Mesmo assim, comecei com bons animais e dei início a este projecto: criar ratazanas como animais de estimação, sem qualquer motivação comercial, apenas pelo hobby e para a divulgação destes extraordinários roedores no nosso país.

              Embora tenha como principal objectivo, o temperamento sociável dos animais, não deixo de prestar uma especial atenção à saúde e, por isso, não vou criar algumas variedades que, a priori, são mais propensas a problemas. Não me preocupo se os standards de cor não forem  respeitados… O que me importa é ter bons animais de companhia.

 

 

NOVOS DONOS DE TWISTERS

 

              Twisters é o nome dado nos E.U.A. às ratazanas domésticas. Quem quiser um animal pequeno, inteligente, dócil e que passa o dia a lavar-se, tem nas ratazanas a escolha ideal. Não considero que seja um animal de estimação para toda a gente… Também penso o mesmo dos cães e da maior parte dos animais. Antes de levar seja que animal for para casa, é preciso pensar porque motivo é que o estamos a fazer. Ter um animal de estimação é um compromisso que assumimos: devemos providenciar os cuidados necessários ao seu bem-estar e ter em conta a nossa disponibilidade para tratar dele. As ratazanas exigem, pelo menos, uma hora diária de atenção, para que interajam connosco e nos conheçam. E têm, como qualquer animal, necessidades, cuidados e um regime alimentar específico. Não devem ser mantidas sozinhas, sendo recomendado, pelo menos, um par do mesmo sexo.

              Se alguém estiver interessado em ter ratazanas, deve fazer o trabalho de casa e informar-se sobre elas, antes de as ter. Os criadores, as lojas especializadas em exóticos e os fóruns e sites, são os locais indicados para aprender a cuidar delas. No momento de as trazer para casa, é importante escolher bem a loja ou o criador. Os futuros donos não devem precipitar-se sem ter já um viveiro preparado e a lição estudada.

 

 

AS MINHAS RATAZANAS

 

              Da mesma forma que um criador de cães, ou de outro animal, gasta dinheiro, as ratazanas também dão alguma despesa e, não considero que seja produtivo dar os animais ao desbarato. A minha intenção não é fazer um negócio com as ratazanas (impensável em Portugal), mas, contribuir para a credibilidade e divulgação de um animal de companhia, ainda muito desconhecido por este país.

              Se alguém estiver interessado numa das minhas ratazanas, pode ler a minha Declaração de Princípios. Estou disponível para ser contactado em qualquer altura.

             

              antoniolopes.ci@gmail.com

              916686439

              918741335

 

 

 

CDR—Big Mac

CDR—Ebony

CDR—Ritta

A primeira ninhada que tive